Marketing é...01/03/2012

Fernando Torquato, mestre da imagem (e da beleza)

De Santos para o mundo, Fernando Torquato é considerado, hoje o principal nome da maquiagem no Brasil.

Leia um trecho da matéria 

 

O mestre da imagem (e da beleza)

 

De Santos para o mundo, Fernando Torquatto é considerado, hoje, o principal nome da maquiagem do Brasil. Também fotógrafo, consultor de estilo e, agora, apresentador, ele mostra que entende muito de marketing e conta como usa essa ferramenta no seu dia a dia

 

Vinícius Novaes

 

É praticamente impossível não se lembrar do nome de Fernando Torquatto quando se fala em maquiagem no Brasil. Já virou uma regra desse universo cada vez mais popular. Mas, além dessa, esse santista de 41 anos tem outras, digamos, aptidões: ele também é fotógrafo, consultor de estilo e apresentador. Isso mesmo: apresentador. Torquatto comanda, desde 2010, o “Superbonita”, programa exibido todas as segundas-feiras, às 22h, no GNT.

 

Se não resta dúvida de que beleza e moda caminham lado a lado com a sua vida, recentemente, Fernando Torquatto assumiu o posto de leadership da AmfAR no Brasil – entidade internacional, fundada por Elizabeth Taylor, de combate a AIDS. Além disso, ele mostrou que também entende bastante de marketing, uma ferramenta fundamental em um mundo cada vez mais globalizado.

 

Duvida? Então leia as respostas desse fotógrafo cujas lentes já registraram Antonio Banderas, Gabriella Wright, Fernanda Montenegro, Xuxa Meneghel, Marília Gabriela, Regina Casé, Reynaldo Gianecchini, Taís Araújo, Carolina Dieckman, Letícia Birkheur, Preta Gil, Giovanna Antonelli, Rodrigo Santoro, Camila Pitanga, Cleo Pires, Bruno Gagliasso, Ana Carolina, Ana Claudia Michels e alguns outros que não caberiam nesta página. 

 

Para você, o que é marketing?

Entendo como marketing a atividade que dirige o fluxo de bens e serviços de quem produz até quem recebe. Tudo concebido com muito planejamento para atingir os fins a que se propõe. No meu caso, por exemplo – de pessoa física –, a questão vai além de um exercício puro e simples de autoconhecimento: perguntas como “o que sou?” e “para onde vou” – aliadas a um comportamento dinâmico, elegante, dentro dos padrões da sociedade e que consiga integrar pessoas por meio do trabalho – ganham uma conotação de mercado... 

 

Leia na edição impressa o texto na íntegra

PRÊMIOS

EVENTOS

COPYRIGHT 2012 Revista Marketing - Todos os Direitos Reservados